quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Encontro de Gestores

O Cefapro de Primavera do Leste promoveu nos dias 13 e 14 de outubro, o primeiro encontro de gestores envolvendo as cidades pertencentes ao nosso polo. Durante o evento as equipes gestorea contribuiram com apresentações temáticas relacionados a educação, contamos também com participação e contribuição dos formadores deste centro que também palestraram temas apresentados foram: Reunião pedagógica, Quadro 21... A equipe de gestores de Primavera do Leste contribuiu com a maravilhosa palestra do mestrando em educação Fábio Mariani. Confira alguns momentos do evento nos vídeos abaixo.
video
video

quinta-feira, 8 de outubro de 2009






O CEFAPRO de Primavera do Leste está participando do Encontro Regional de Formação dos Formadores/Multiplicadores da Região Centro-Oeste para o Curso Elaboração de Projetos(40h), com a finalidade de conhecer o Projeto Político-Pedagógico desta formação e planejar a oferta do processo formatico nos estados e municípios.

sábado, 26 de setembro de 2009

Formação Escola Organizada em Ciclos de Formação Humana


A equipe do Cefapro de Primavera do Leste, realizou no município de Poxoreú uma formação para os professores das redes estadual e municipal. Durante três dias de 24 à 26 de agosto,estudamos, refletimos, debatemos acerca da escola organizada em ciclos de formação humana, com momentos diversificados.Iniciamos com a formadora Mirta Garcia Grisel trabalhando com todos os professores o tema: fundamentos histórios e filosóficos da escola organizada em ciclos de formação humana. A seguir os professores foram dividos em oficinas temáticas como: A aprendizagem e a tecnologia formadora Gleibiane Silva, Avaliação e o papel do articulador formadora Adenilza, Interdisciplinaridade formador João Carlos e Os descritores da prova Brasil nossa coordenadora Zoraide Barbosa.Nos dias 27 e 28 a mesma formação foi oferecida aos professores de Paraíso do Leste, distrito de Poxoreú.Confira abaixo alguns flashes do evento.

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Primavera do Leste tem uma professora formadora na Área 21

Esta área tem a função específica de atender os Profissionais da Educação que se enquadram na Área 21 (Apoio Administrativo Educacional _ Merendeiras, Vigias e Limpeza e Técnico Administrativo Educacional).

Novos olhares a Formação Continuada: ressignificando as práticas pedagógicas na educação básica.






















Todos os Gestores, Professores Formadores e Secretários dos 15 Cefapros de Mato Grosso estiveram em Cuiabá para uma semana de formação onde houveram palestras e GT's direcionados à prática de cada área.

sexta-feira, 3 de julho de 2009

video

CONAE – Primavera do Leste

Nos dias 28 e 29 de junho aconteceu, nas dependências do Ginásio de Esportes da UNIC, em Primavera do Leste, a CONAE (Conferência Nacional de Educação), etapa inter municipal, onde estiveram presentes representantes dos municípios do Polo do Cefapro de Primavera do Leste: Campo Verde, Poxoréu, Santo Antônio do Leste, Paranatinga, Gaúcha do Norte.
Na abertura do evento tivemos a apresentação da Banda Municipal, composta de alunos das escolas públicas estaduais, em seguida o Professor Gilmar, presidente do Sintep falando sobre a importância da realização da Conferência e fez uma reflexão de cada eixo.
Os debates foram dinâmicos e muito proveitosos, nos grupos, onde se discutiu os eixos: Papel do Estado na Garantia do Direito à Educação de Qualidade: Organização e Regulação da Educação Nacional; Qualidade da Educação, Gestão Democrática e Avaliação; Democratização do Acesso, Permanência e Sucesso Escolar; Formação e Valorização dos Profissionais da Educação; Financiamento da Educação e Controle Social e Justiça Social, Educação e Trabalho: Inclusão, Diversidade e Igualdade.
Na plenária é que tivemos a concretização da democracia, pois foi o momento de discussão e efetivação das emendas sugeridas, e pode-se perceber o quanto as pessoas estão, realmente, preocupadas com a educação e dispostos a contribuir para a sua melhoria.
Esta etapa da CONAE foi um sucesso, pelo envolvimento de membros da Sociedade civil, agentes públicos, entidades de classe, estudantes, profissionais da educação e pais/mães.
A equipe do Cefapro, polo de Primavera do Leste, a assessoria pedagógica e a comissão organizadora estão de parabéns pela organização e realização deste evento.

domingo, 28 de junho de 2009

CONAE - PRIMAVERA DO LESTE


Acontecerá em nosso município mais uma etapa intermunicipal da CONAE/Primavera do Leste, o evento ocorrerá na quadra da UNIC,nos dias 29 e 30 de junho, a partir das 07:30h. Todos estão convidados!
Mais informações:

Serão discutidas questões referentes a todos os níveis da educação (Educação Básica e Ensino Superior), em suas diferentes etapas e modalidades, ou seja, desde a educação infantil até a pós-graduação.

Para garantir que todos tenham oportunidade de contribuir para o desenvolvimento da educação, em 2009 serão realizadas Conferências Municipais (primeiro semestre) e Conferências Estaduais (segundo semestre). As contribuições de agentes públicos, profissionais da educação (técnicos, gestores e docentes), estudantes e membros da sociedade nas Conferências Municipais e Estaduais serão levadas a CONAE 2010.
Dentre os objetivos da CONAE, destacam-se as reflexões sobre as políticas públicas necessárias para que o direito a educação de qualidade seja universal, tanto na educação básica como no ensino superior, de forma a assegurar a formação integral do cidadão e de garantir o respeito à diversidade.

domingo, 12 de abril de 2009

Conheçam estes blogs!

O blog da Professora Janaína Pitas da E.E. João Ribeiro Vilela(CONSTRUINDO HISTORIA NA E.E.J.R.V.) e da Professora Sabrynne Sena da E. E. Cremilda Viana (Arte na Minha Escola), trazem relatos de atividades que vem sendo desenvolvidas na escola( textos, fotos, apresentações). Vale a pena conferir!

historiajrv.blogspot.com
artenaminhaescola.blogspot.com

segunda-feira, 30 de março de 2009

ANALISE CRITICA




A educação passa por evoluções no decorrer da história, marcada por rupturas que não apaga, marcas deixadas por modelos que vinha de encontro aos interesses das classes dominantes.
A partir dos momentos historicos de apropriação de terras surge a escola como fortalecimento ainda maior do poder,essa instituição de produção do saber sistematizado.
Ao longo da história a escola submete a vario papeis,mais com a escola moderna o saber passa a ser socializado,porem voltado para o interesse dos grupos dominantes.Nos dias de hoje podemos observar que a socialização do saber ainda continua não atendo toda a população.
Devemos voltar nosso conhecimentos nossos saberes para a exigências da sociedade visando sempre as mudanças e melhorias na educação sendo que essas deve ser voltada ANALISE CRITICA


A educação passa por evoluções no decorrer da história, marcada por rupturas que não apaga, marcas deixadas por modelos que vinha de encontro aos interesses das classes dominantes.
A partir dos momentos historicos de apropriação de terras surge a escola como fortalecimento ainda maior do poder,essa instituição de produção do saber sistematizado.
Ao longo da história a escola submete a vários papeis,mais com a escola moderna o saber passa a ser socializado,porem voltado para o interesse dos grupos dominantes.Nos dias de hoje podemos observar que a socialização do saber ainda continua não atendo toda a população.
Devemos voltar nosso conhecimentos nossos saberes para a exigências da sociedade visando sempre as mudanças e melhorias na educação sendo que essas deve ser voltada para todos.
temos de nos conscientizar que nosso papel, nossa responsabilidade, nosso objetivos é promover a inclusão social. Possibilitando o saber sistematizado as pessoas que não tiveram acesso a esse.
Por isso faz se necessário, conhecer com clareza as ideais, princípios e valores que nortearam a educação, visando sempre a necessidade de se trabalhar a educação na perspectiva de melhoria da qualidade de vida de nossos educando, sendo que a educação deve acompanhar a evolução do cotidiano de nossos alunos.para todos.
temos de nos conscientizar que nosso papel, nossa responsabilidade, nosso objetivos é promover a inclusão social. Possibilitando o saber sistematizado as pessoas que não tiveram acesso a esse.
Por isso faz se necessário, conhecer com clareza as ideais, principio e valores que nortearam a educação, visando sempre a necessidade de se trabalhar a educação na perspectiva de melhoria da qualidade de vida de nossos educandos, sendo que a educação deve acompanhar a evolução do cotidiano de nossos alunos.

Adenilza Oliveira Amaral - Formadora do CEFAPRO EJA

sexta-feira, 27 de março de 2009

Introdução à Educação Digital

No mês de março iniciamos a formação continuada Introdução à Educação Digital- Conhecendo o Linux Educacional,que é uma parceria do MEC/SEDUC/CEFAPRO. Começamos com duas turmas de profissionais da educação da escola João Ribeiro Vilela, esta formação tem como meta inserir as tecnologias da informação e comunicações nas escolas, para que assim ocorra a inclusão digital de professores, gestores e toda comunidade escolar. além disso dinamizar e qualificar os processos de ensino e aprendizagem com vistas à melhorias na qualidade da educação básica.Esta é uma oportunidade para os educadores refletirem sobre sua pratica, e também sobre a necessidade de se incluir cada vez mais essas tecnologias no seu fazer pedagógico de forma significativa

Apresentação do CEFAPRO no município de Campo Verde

Na sexta-feira dia 20 de março a equipe do CEFAPRO de Primavera do Leste esteve em Campo Verde, para realizar apresentação de sua equipe de formadores, também os profissionais da educação presentes receberam informações sobre o projeto GESTAR que brevemente terá inicio neste município , além disso foram feito repasses sobre o projeto sala de professor, bem como sobre a formação continuada relativa a tecnologia educacional. Durante o evento contamos com a presença de muitos educadores, assessora pedagógica, bem como do secretário de educação do referido município.
Equipe CEFAPRO

Apresentação do CEFAPRO

video

segunda-feira, 16 de março de 2009

Hino de Mato Grosso

video

A volta do velho professor


Em pleno século XX, um grande professor do século passado voltou à Terra e, chegando à sua cidade, ficou abismado com o que viu: as casas altíssimas, as ruas pretas, passando umas sobre as outras, com uma infinidade de máquinas andando em alta velocidade; o povo falava muitas palavras que o professor não conhecia
( poluição, avião, rádio, televisão...); os cabelos de uma pessoas pareciam com os do tempo das cavernas... e as roupas deixavam o professor ruborizado.
Muito surpreso e preocupado com a mudança, o professor visitou a cidade inteira e cada vez compreendia menos o que estava acontecendo. Na igreja, levou um susto com o padre, que não rezava mais em latim, com o órgão mudo e com um grupo cabeludo tocando uma música estranha. Visitando algumas famílias, espantou-se com o ritual depois do jantar: todos se reuniam durante horas para adorar um aparelho que mostrava imagens e emitia sons. O professor ficou impressionado com a capacidade de concentração de todos: ninguém falava uma palavra diante do aparelho.
Cada vez mais desanimado, foi vistar uma escola__ e, finalmente, sentiu um grande alívio, reencontrando a paz. Ali, tudo continuava como ele havia deixado: as carteiras uma atrás da outra, o professor falando, falando... e os alunos escutando, escutando, escutando...

Paulo Freire

video

quinta-feira, 12 de março de 2009

Horizontes -

video

Produzido por nossas professoras formadoras
Marilda Rudnick e Mirta Grisel.

Metodologia ou tecnologia

video
Computador e Educação- uma ótima combinação
A educação como pilar do desenvolvimento humano busca constantemente novas formas de adaptação às novas realidades, o conhecimento está em renovação e evolução constante e a escola absorve essa nova realidade, que já vem carregada de conhecimento de todas as formas busca então, canalizar esses “saberes” e direcionar os alunos, utilizando de inúmeras ferramentas e uma das principais é o computador, que normalmente é usado como “artigo de luxo” muitas vezes intocável. Deve-se nessa perspectiva desmitificar e agregar profundamente essa ferramenta que por sua vez abre as portas do mundo para qualquer individuo e o faz mergulhar em uma infinidade de conhecimentos. Cabe então a nós educadores mediar a utilização consciente desse poderoso instrumento.
O espetacular projeto de união das tecnologias e a reprodução física do conteúdo aprendido, proporciona, dessa forma, ao aluno uma espetacular vivência, consequentemente, uma fixação real do aprendizado, expandindo a criatividade, produzindo conhecimento. Uma simples utilização de um editor de textos agregado a uma ferramenta de desenho, possibilita por parte do aluno um “mergulho” no conhecimento, alcançando a sonhada autonomia de pesquisador e possivelmente solucionador de problemas, além de permitir ao professor não mais somente entregar informações e sim ser o facilitador e mediador, no processo de construção e solução de variados problemas, incentivando a identificação, critica e superação de determinados eventos.

João Carlos M. Bressan Professor de Educação Física
Professor Formador do Cefapro de Primavera do Leste

terça-feira, 10 de março de 2009

Linguagem e Produção de Textos

Conceber a linguagem em toda a sua dimensão histórica e social implica compreendê-la como produto de um trabalho coletivo e histórico da experiência entre os homens.
É devido à natureza social e cultural da linguagem que suas regras sociais se originam na própria prática com a linguagem, pois se as decisões de escolha de quem produz a linguagem são reguladas pelo outro e pela força dos grupos sociais e do momento histórico.
Nessa perspectiva a linguagem não serve apenas para transmitir informações, mas é capaz de organizar e revelar a consciência e o pensamento e, devido ao seu caráter simbólico, a linguagem é capaz de representar o real.
O aluno deverá ter claro para quem ele fala e escreve, num lugar e momento determinados, o significado da linguagem emerge desta contextualização.
  • Diante de uma proposta de produção textual deve-se ter clareza a respeito de:
    - o que deseja dizer sobre o tema proposto, tendo em vista suas intenções (tese - argumentos; causa - conseqüência; fato - anterioridade; problema - solução; conflito - resolução; progressão argumentativa);
    - meio social a que se refere (quanto ao texto dissertativo, relacionar adequadamente a seleção e a ordenação dos argumentos com a tese);
    - seu interlocutor (identificar o interlocutor e o assunto sobre o qual se posiciona para estabelecer interlocução);
    - mecanismos de composição a ser utilizado (considerando as condições de produção, utilizar diferentes recursos resultantes de operações lingüísticas – escolha, ordenação, expansão, transformação);
    - qual a finalidade dessa produção.
  • Tendo claro esses elementos o texto será produzido com mais segurança, o que será decisivo para desenvolver-se um bom produtor de textos.
Texto elaborado pela Professora Formadora Àrea de Linguagem:

Marilda Da Silva Rudnick

quarta-feira, 4 de março de 2009

Reflexão!

Não é possível refazer este país, democratizá-lo, humanizá-lo, torná-lo sério, com adolescentes
brincando de matar gente, ofendendo a vida, destruindo o sonho, inviabilizando o amor. Se a educação sozinha não transformar a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda."
( Paulo Freire )